Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Planetas

Planetas Duplos,pode ser que a Terra - Lua são.

O termo planeta duplo, no seu uso mais comum, define um conjunto de dois planetas de massa comparável orbitando um ao redor do outro.Plutão e Caronte são freqüentemente referenciados na literatura como exemplo de um planeta duplo no nosso Sistema Solar, embora ainda existam controvérsias. O próprio sistema Terra-Lua, para alguns, poderia ser também um exemplo de planeta duplo.

Uma definição simples e direta para diferenciar um sistema planeta-satélite de um planeta duplo, além da massa e das dimensões, seria a questão orbital. Neste caso, o sistema só será um planeta duplo se o centro de massa estiver fora do corpo do astro dominante. Em vista disso, o sistema Plutão-Caronte é um planeta duplo, pois o centro de massa fica bem acima da superfície plutoniana. Nesse contexto, o sistema Terra-Lua seria do tipo planeta-satélite, já que o centro de massa fica bem abaixo da crosta terrestre. Considerando Plutão e Caronte um planeta duplo, os satélites plutonianos Nix e hidra não sã…

Planetas Anões...

Umplaneta anãoé umcorpo celestemuito semelhante a um planeta, dado que órbita em volta do Sole possuigravidadesuficiente para assumir uma forma com equilíbrio hidrostático (aproximadamente esférica), porém não possui uma órbitadesimpedida. Um exemplo é Ceresque, localizado nocinturão de asteróides, possui o caminho de sua órbita repleto daqueles pequenos astros. Atualmente conhecem-se cinco planetas anões no sistema solar, são eles:Ceres,Plutão,Haumea,MakemakeeÉris, sendo os quatro últimos do tipoplutóide, ou seja, planetas-anões que orbitam para além da órbita de Netuno, nos recônditos do sistema solar. O termo planeta anão poderá vir a ser aplicado a outros doze corpos doSistema Solar3asteróidese 9

Os Planetas de nosso sistema solar.

A palavra "planeta" vem do grego πλανήτης — "planētēs", "plan", que significa "aquele que vagueia", visto que os astrônomos antigos observavam como certas luzes se moviam através do céu em desacordo com as estrelas. Eles acreditavam que esses objetos juntamente com o Sol e a Lua orbitavam a Terra considerada estacionária no centro. O número original de planetas era sete: Lua, Mercúrio, Vênus, Sol,Marte, Júpiter, e Saturno, em órbitas determinadas segundo o sistema definido por Ptolomeu. Posteriormente, com a adoção do heliocentrismo, a Terra passou a ser considerado planeta enquanto o Sol e a Lua perderam esse status. Com a invenção do telescópio permitiu-se a descoberta de Urano (1781), Netuno (1846) e Plutão (1930). Plutão entretanto, a partir da resolução de 24 de agosto de 2006 da União Astronômica Internacional, deixou de ser considerado um planeta, passando ao status de planeta anão.