Mostrando postagens com marcador misterios. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador misterios. Mostrar todas as postagens

agosto 07, 2016

A floresta Amazônica e seus mistérios tenebrosos e curiosos.

A Amazônia representa mais da metade das florestas tropicais remanescentes no planeta e compreende a maior biodiversidade em uma floresta tropical no mundo. O nome "Amazônia" deriva das amazonas, mulheres guerreiras da Mitologia grega.A floresta provavelmente se formou durante o período Eoceno. Ela apareceu na sequência de uma redução global das temperaturas tropicais do Oceano Atlântico, quando ele tinha se alargado o suficiente para proporcionar um clima quente e úmido para a bacia amazônica. A floresta tropical tem existido por pelo menos 55 milhões de anos e a maior parte da região permaneceu livre por biomas do tipo savanas por, pelo menos, até a Era do Gelo Atual, quando o clima era mais seco e as savanas mais generalizadas.Com base em evidências arqueológicas de uma escavação na Caverna da Pedra Pintada, habitantes humanos se estabeleceram na região amazônica pelo menos há 11 200 anos atrás.solo amazônico é bastante pobre, contendo apenas uma fina camada de nutrientes. Contudo, a flora e fauna mantêm-se em virtude do estado de equilíbrio (clímax) atingido pelo ecossistema sendo de grande importância para a sobrevivência da Natureza no Planeta Terra.
Floresta amazônica Mapa de 2013:

OBS: a cor vermelha esta dando destaque ao desmatamento feito pelo homem na Floresta ate o ano de 2013 (infelizmente a ganancia do ser humano não tem limites) 


Mistérios da Amazônia:
Diversas são as lendas relacionadas à Amazônia. O Eldorado, uma cidade cujas construções seriam todas feitas de ouro maciço e cujos tesouros existiriam em quantidades inimagináveis, e o lago Parima (supostamente a Fonte da juventude). Provavelmente estas duas lendas referem-se à existência real do Lago Amaçu, que tinha uma pequena ilha coberta de xisto micáceo, um material que produz forte brilho ao ser iluminado pela luz do sol e que produzia a ilusão de riquezas aos europeus.
Texto origem WIKIPEDIA


A lenda de Akakor:
É sobre uma cidade perdida que fica na floresta amazônica e guarda segredos que podem desvendar o mistério do EL DORADO,é um reino subterrâneo descrito no livro As Crônicas de Akakor (Die Chronik von Akakor, 1976) do jornalista alemão Karl Brugger. Brugger localizou Akakor entre o Brasil e o Peru, dentro da floresta amazônica, perto da nascente do Purus – um dos locais onde tradicionalmente foi localizado a cidade de Paitítia lendária cidade perdida localizada no leste do Andes, escondida em algum lugar remoto das florestas tropicais do sudeste do Peru, norte da Bolívia e sudoeste Brasil).

A cidade Futurística  da Amazônia:

No meio da selva amazônica brasileira em meio a um triangulo imaginário formado pelas cidades de Porto Velho, Manaus e Santarém, segundo relatos de Pilotos que sobrevoam a área aparece uma cidade futurística na misteriosa e densa floresta amazônica, relatam ter visto uma cidade gigantesca que apelidaram de cidade de Buck Rogers ou ainda a cidade do ano 3000.Muitos contam que Houve um caso em que um piloto, resolveu tentar aterrissar em uma imensa pista longitudinal. Por pouco sua aeronave não colidiu com as imensas copas de arvores, pois, a cidade sumiu repentinamente.



Os desaparecimentos na AMAZÔNIA:

A implacável selva amazônica levou a vida de muitos aventureiros, o mais famoso talvez seja o coronel Percy Fawcett, que desapareceu em 1925, enquanto na busca de uma mítica cidade perdida. Fawcett era famoso na época por suas expedições de cartografia nas florestas do Brasil e da Bolívia. Durante essas viagens, ele formulou uma teoria sobre uma cidade perdida chamada "Z", que ele acreditava existir em algum lugar na região inexplorada do Mato Grosso.Na época e ate hoje calcula se mais de 100 pessoas morreram a procura de algum indicio do desaparecimento de Fawcett e Jack, seu filho primogênito, mais um jovem chamado Raleigh Rimmell.



Os NAZISTAS no BRASIL:

Na lápide improvisada, o necrológio da cruz explica: “Joseph Greiner morreu aqui em 2/1/36, a serviço da pesquisa alemã, vitimado pela febre – Expedição Alemã do Jari, 1935-1937″.






agosto 31, 2013

O que são os rastros químicos no Céu?

Hoje em especial avistei muitos rastros no céu, deixados por aviões e fiquei intrigado, por isto conto com sua ajuda para ajudar nos, coloque o que sabe ou peça autorização para colocar um texto em nosso blog pode ter certeza que irei avaliar a possibilidade ou comente, agradeço sua colaboração ,enquanto isto aproveite os vídeos abaixo que coloquei sobre este tema intrigante e misterioso...fuiiiiiiii

BH - BRASIL

Curitiba - Brasil

SP - Brasil

Imagem by moreijo - Mauá - SP - Brasil


maio 19, 2011

Mistérios da Humanidade-Futuro

Colocarei datas e eventos apenas, deixarei que vocês contem a historia...

Século XXI


2001 (MMI)
Janeiro


2011 (MMXI)
Janeiro


Março
11 de março - Um gigantesco sismo de 9,0 graus de magnitude de atingiu a costa nordeste do Japão, causando muita destruição. Após o sismo ocorreu um tsunami, que invadiu o seu litoral com ondas gigantes de mais de 800 km/h. Oficialmente há mais de 10.000 mortos, milhares de desaparecidos e desabrigados. Um dos reatores da usina nuclear de Fukushima explodiu, provocando vazamento radioativo. Dois outros reatores estão com problemas, e outras duas usinas nucleares apresentaram falhas: Onagawa e Tokai.
Maio

19 de maio - Dia que esta postagem vai ficar disponível aos leitores.



2012 (MMXII)

Dezembro

Imagem do satélite artificial Hinode, de 12 de janeiro de 2007, revelando a natureza filamentar do plasma conectando regiões de diferentes polaridades magnéticas.

2013 (MMXIII)

01 de Janeiro 

Espaço a Fronteira Final ou inicio de Tudo...
valeu...fuiiiiiii
Imagem de anel coronal, tomado pelaTRACE

Visitem estes outros links abaixo:

maio 14, 2011

Mistérios da Humanidade-Antiguidade

Desde pequeno este assunto me fascina ,buscando em minha memória e pesquisas que fiz ,colocarei como estamos fazendo, para tentar desvendar este mistério da humanidade...

Antiguidade:
As especulações sobre a natureza do Universo devem remontar aos tempos pré-históricos, por isso a astronomia é freqüentemente considerada a mais antiga das ciências. Desde a antiguidade, o céu vem sendo usado como mapa, calendário e relógio. Os registros astronômicos mais antigos datam de aproximadamente 3000 a.C. e se devem aos chineses, babilônios, assírios e egípcios. Naquela época, os astros eram estudados com objetivos práticos, como medir a passagem do tempo (fazer calendários) para prever a melhor época para o plantio e a colheita, ou com objetivos mais relacionados à astrologia, como fazer previsões do futuro, já que acreditavam que os deuses do céu tinham o poder da colheita, da chuva e mesmo da vida.
Vários séculos antes de Cristo, os chineses sabiam a duração do ano e usavam um calendário de 365 dias. Deixaram registros de anotações precisas de cometas, meteoros e meteoritos desde 700 a.C. Mais tarde, também observaram as estrelas que agora chamamos de novas.
Os babilônios, assírios e egípcios também sabiam a duração do ano desde épocas pré-cristãs. Em outras partes do mundo, evidências de conhecimentos astronômicos muito antigos foram deixadas na forma de monumentos, como o de Stonehenge, na Inglaterra, que data de 2500 a 1700 a.C.



Em textos antigos, incluindo a Bíblia hebraica, a prova de que armas nucleares foram usadas na Terra pela primeira vez, não em 1945, na Segunda Guerra Mundial, mas no ano 2024 a.C. Essa arma poderosa estaria lacrada e escondida em algum lugar secreto, na África, e teria sido lançada na península do Sinai, em meio a uma guerra travada no século 21 antes de Cristo, varrendo do planeta cidades como Sodoma e Gomorra. Para o pesquisador Zecharia Sitchin, isso não é ficção, é um fato hoje comprovado, entre outras, por imagens de satélites.
Continua aqui: http://www1.folha.uol.com.br/livrariadafolha/855484-deuses-extraterrestres-usaram-armas-nucleares-em-2024-ac-diz-fim-dos-tempos.shtml

A Arca de Noé era, segundo a religião abraâmica, um grande navio construído por Noé, a mando de Deus, para salvar a si mesmo, sua família e um casal de cada espécie de animais do mundo, antes que viesse o Grande Dilúvio da Bíblia. A história é contada em Gênesis 6-12[1][2], assim como no Alcorão e em outras fontes.
Mosteiro de Khor VirapArmênia, à sombra do Monte Ararat, onde a Arca de Noé supostamente encalhou após o Dilúvio.

Obs: A registros que aconteceu no dia 14 de maio de 4325 a.C, portanto hoje ,data desta postagem, fazem 6336 anos do Dilúvio.

Mantido links originais e fico a disposição para novas indicações e comentários...em breve postagem sobre o Presente e se for possível o Futuro "dos mistérios da humanidade"...fuiiiiiiiii

Visite também estes links abaixo:
Mistérios da humanidade atualidades.
Mistérios da humanidade futuro.







abril 15, 2011

Series e outros com Lobisomem

Nos títulos dos Parágrafos voce tem um link para conhecer melhor sobre o assunto.

Wolf´s Rain

É um anime lançado em 2003 pelo estúdio Bones, o mesmo que lançou Cowboy Bebop.
No anime, os humanos não teriam apenas se inspirado nos lobos para criar sua sociedade, mas na realidade, teriam na verdade se originado a partir dos próprios lobos. Além disso, há uma lenda que diz que, no final dos tempos, o Paraíso se abriria, mas somente os lobos conheceriam o local exato de sua entrada.
O enredo se desenvolve em um futuro muito distante, em que os lobos, acreditava-se, estavam extintos há cerca de 200 anos. Entretanto há lobos remanescentes, que conseguem se disfarçar de humanos para evitar serem perseguidos.
Com um misto de aventura e drama, o anime se torna envolvente a cada episódio pelo sonho de um lobo que não vê outro futuro senão o Paraíso.
É um jogo de RPG da editora estadunidense White Wolf, publicado no Brasil pela Devir Livraria. É um dos mais conhecidos títulos da série "Mundo das Trevas". O jogo usa o sistema Storyteller para o desenvolvimento e a interpretação dos fatos e eventos. Com um clima de horror selvagem , Lobisomem é um dos RPGs mais consagrados do Mundo das Trevas. O jogo foi criado por Mark Rein*HagenRobert Hatch e Bill Bridges.

Lobisomem: Os Destituídos é um RPG ambientado no Novo Mundo das Trevas criado pela White Wolf Editora. É o sucessor comercial de Lobisomem: O Apocalipse, porém não é uma continuação do jogo anterior; o "jogo de horror selvagem" da linha de jogos do Mundo das Trevas original. Como em Lobisomem: O Apocalipse, o jogo é construído com base nos mitos da cultura popular para criar uma visão única dos lobisomens, embora haja diferenças enormes entre Forsaken e seu antecessor. Por exemplo, o jogo apresenta um sistema de auspícios baseado nas cinco fases da lua, e  o papel de cada jogador ,correspondendo aos auspícios, continuam o mesmo com relação ao Apocalipse.
Wikimedia Commons Link na imagem




outubro 03, 2009

Monstros.



Monstro (do Latim monstrum) é o nome dado genericamente a uma criatura lendária de aspecto aterrorizante . Os monstros aparecem em lendas, livros e filmes de terror e nas diversas formas de mitologia. Numa história, o monstro encarna frequentemente a figura do mal que é derrotada por um cavaleiro ou herói que representa o bem e as virtudes.
Monstros Famosos:
Chupa-cabra é uma suposta criatura responsável por ataques sistemáticos a animais rurais em regiões da América, como Porto Rico, Flórida, Nicarágua, Chile, México e Brasil. O nome da criatura deve-se à descoberta de várias cabras mortas em Porto Rico com marcas de dentadas no pescoço e o seu sangue alegadamente drenado. Embora o assunto tenha sido explorado na mídia brasileira, os rumores sobre a existência do misterioso ser foram gradualmente desaparecendo, cessando antes da virada do milênio.
Gravura de um possível Chupacabra. http://pt.wikipedia.org/wiki/Chupacabra
Fenris, Fenrir, ou ainda Fenrisulfr, é um lobo monstruoso da mitologia nórdica. Filho de Loki (irmão de criação de Odin) com a giganta Angrboda, tem como irmãos Jormungand (a serpente de Midgard) e Hel (a Morte).Acorrentado pelos deuses até o advento do Ragnarok (O Destino Final dos Deuses), Fenrir se solta e causa grande devastação, antes de devorar o próprio Odin (O Supremo deus Guerreiro), sendo morto, posteriormente, pelo filho do grande deus, Vidar, que enfiará uma faca em seu coração (ou rasgará seus peitos até o maxilar, de acordo com um diferente autor).A fonte mais importante de informação sobre Fenrir aparece na seção de Gylfaginning no édico de Snorri Sturluson, embora haja outros, freqüentemente contraditórios. Por exemplo, em Lokasenna, Loki ameaça Thor com a destruição por Fenrir durante o Ragnarök, uma vez que Fenrir pode destruir Odin.
Quimera é uma figura mítica que, apesar de algumas variações, costuma ser apresentada como um ser de cabeça e corpo de leão, além de duas outras cabeças, uma de dragão e outra de cabra. Outras descrições trazem apenas duas cabeças ou até mesmo uma única cabeça de leão, desta vez com corpo de cabra e cauda de serpente, bem como a capacidade de lançar fogo pelas narinas. Graças ao caráter eminentemente fantástico de tal figura mítica, o termo quimerismo e o adjetivo quimérico se referem a algo que não passa de fruto da imaginação, uma ilusão, um sonho.
Representação de uma Quimera em um prato de cerca de 350-340 a.C.

agosto 14, 2009

Lyncans será que eles estão por ai?


Foto e ver mais textos veja neste link recomendo: http://tkotw.powerrpg.com/montanhas-f12/montanha-dos-homens-lobos-t14.htm

e neste link abaixo e a origem do texto feito por Antonio Paiva Rodrigues:

A Licantropia



Antonio Paiva Rodrigues*



Licantropia é uma palavra que têm origem num vocábulo grego composto de Lykos (lobo) e tropos (forma). Significa, segundo a crença popular, a transformação de um homem num lobo ou a metamorfose, de que determinados seres humanos se transformavam em lobisomem. Esta crença popular é antiga e teve sua origem na Idade Média, e segundo estudiosos está ligada diretamente a bruxarias. Existem alguns espiritualistas, que comprovada esta materialização de espíritos, em várias partes do mundo, experiências ou experimentações, já debatidas por alguns curiosos, é o que pode se chamar de um fenômeno ainda insuficiente esclarecido. Pode-se também classificar a idéia como lendas ou rumores. Supunha-se que esses lobos eram feiticeiras, possuídas do segredo de se transformarem em bestas, graças aos seus poderes mágicos.



Milhares de pessoas, supostas de se entregarem a essas metamorfoses diabólicas, foram queimadas nesse período. Queimaram-se até mesmo alguns “espíritos mais fortes”, que se recusaram a aceitar a existência dos lobisomens como um tal Guilherme de Lure em Poitiers, na França, segundo relato do escritor francês Ruffat em La Superstition a travers lês ages (1977). Em 1573 um decreto do parlamento de Dôle na França, (região do Jura, (perto da fronteira com a Suíça) determinava que fossem abatidos os lobisomens. Claude Seignolle em Lês evangiles du Diable (1967) conta que no Perigord (perto de Burdeos) determinados homens, notadamente os filhos de padres, eram forçados, a cada lua cheia, a se transformarem em lobisomens. Era nessa noite que o mal os atingia. Eles só retornavam à forma humana depois de terem agredido ou assassinado suas vítimas. Existe alguma realidade nestes relatos? Seguramente a transformação do homem em lobo jamais existiu, mas temos fatos até recentes que nos oferecem certas explicações. O mais famoso licântropo de que temos referências históricas é o rei armênio Tiridat III (287- 330?), que foi curado pelo patriarca Gregório, o Iluminador. Mas escutemos a medicina atual). Licantropia, ou Zoantropia, fenômeno de materialização do corpo astral ou perispiritual de determinadas pessoas, e que surge por desejo próprio ou sem desejo algum. É o que foi denominado pelo povo de “lobisomem” (Lobishomem).



Como é sabido e notório para que exista o fenômeno da materialização, se faz necessário à presença de médium doador da substância condenável a que foi dado o nome de ectoplasma. Dizem, que esse revestimento tanto pode acontecer com espíritos desencarnados, entidades que não possuem corpo físico, como também com a alma semiliberta do próprio doador da substância. Descontado o quanto houver de fantasia em alguns casos, chega-se a acreditar não ser assim tão absurda a popular crença na existência de lobisomem. Você acredita? Ou não? É, certo, que existe uma doença da qual temos conhecimento de alguns relatos históricos que confirmam esta crença. No castelo de Ambras, perto de Innsbruck, no Tirol austríaco, se conservam vários quadros que representam um adulto e duas crianças com o rosto coberto de cabelos e uma expressão feroz. Não são mitos ou imagens.

Os protagonistas destes retratos viveram realmente. O adulto chamava-se Pedro González e nasceu no seio de uma família, acomodada faz 400 anos, das ilhas Canárias. Apenas alcançada a puberdade, experimentou os sintomas de um hirsutismo feroz, uma hipertricose (crescimento de pêlos anormal do grego thrichós gernitivo de thrix pelo) desmesurada que cobriu inteiramente seu corpo de pêlos.

julho 29, 2009

O vale dos Dinossauros e do Brasil..




Trilha de um Carnossauro


O Vale dos Dinossauros é um dos mais importantes sítios paleontológicos existentes, onde registra-se a maior incidência de pegadas de dinossauros no mundo.
Compreende uma área de mais 1.730 km2, abrangendo aproximadamente 30 localidades no alto sertão da Paraíba(Brasil), entre elas os municípios de Sousa, Aparecida,Marizópolis, Vieirópolis, São Francisco, São José da Lagoa Tapada, Santa Cruz, Santa Helena, Nazarezinho, Triunfo,Uiraúna, São João do Rio do Peixe e Cajazeiras.
Os achados mais importantes estão na Bacia do Rio do Peixe, município de Sousa, a 420 km de João Pessoa. Lá, encontram-se rastros e trilhas fossilizadas de mais de 80 espécies em cerca de 20 níveis estratigráficos. Destacam-se as trilhas das localidades da Passagem das Pedras, onde foram descobertas os primeiros indícios dedinossauros brasileiros, no fim do século XIX.
Em toda a região, encontram-se rastros fossilizados cujo tamanho varia de 5 cm (de um dinossauro do tamanho de uma galinha), até 40 cm, como as pegadas de iguanodonte de 4 toneladas, 5 metros de comprimento e 3 metros de altura. A maioria das pegadas são de dinossauros carnívoros. Uma trilha com 43 metros em linha reta é a mais longa que se conhece no mundo. De acordo com os paleontólogos, esses rastros têm pelo menos 143 milhões de anos.
Existe também (embora em menor quantidade), marcas petrificadas de gotas de chuva, plantas fósseis, ossadas parciais de animais pré-históricos e pinturas rupestres feitas pelos antigos habitantes. Estas últimas localizam-se principalmente no Serrote do Letreiro (em Sousa) e Serrote da Miúda (municípios de São Francisco e Santa Cruz).
As marcas deixadas por esses animais pelo sertão paraibano despertam o interesse de cientistas brasileiros e estrangeiros, atraindo também muitos turistas e curiosos de todo o mundo.

O Monumento Natural Vale dos Dinossauros é uma unidade de conservação no estado da Paraíba, criada em 27 de dezembro de 2002 pelo Decreto Estadual N.º 23.832.
Localizado na microrregião da depressão do Alto Piranhas, a área abrange mais de 700 km2, do município de Sousa, Aparecida (Paraíba), Marizópolis,Vieirópolis, São Francisco (Paraíba), São José da Lagoa Tapada, Santa Cruz (Paraíba), Santa Helena (Paraíba),Nazarezinho, Triunfo (Paraíba), Uiraúna, São João do Rio do Peixe e Cajazeiras. Os registros mais importantes estão no município de Sousa, distando 7 km da sede do município. O acesso é feito pela PB-391 sentido Sousa/Uiraúna.
O clima é do tipo quente e úmido com chuvas de verão e outono, a temperatura média entre 27º a 28ºC e a precipitação em torno de 800 a 1000mm. A formação florestal é do tipo caatinga em geral de porte arbóreo. Na área existe a maior concentração de pegadas fossilizadas de dinossauros, a mais expressiva do mundo pela variedade de espécies : são pegadas de mais de 80 espécies distintas, variando entre 5 e 40 cm de comprimento, a maioria de dinossauros carnívoros.
A situação fundiária encontra-se totalmente regularizada, o governo do Estado através da SUDEMA (Superintendência de Desenvolvimento Ambiental) e em parceria com a prefeitura municipal, desapropriou e realizou a compra da área. O monumento natural tem a disposição 15 funcionários de nível médio e superior disponibilizados pela prefeitura de Sousa, além dos técnicos da SUDEMA/CEA (Coordenadoria de Estudos Ambientais), para gerenciar e administrar o monumento. Possui um centro de visitação, constituído por auditório, museu, toaletes, almoxarifado, recepção e quiosques, que servem de apoio para lanches, aulas práticas e vendas de sourvenir, além de estacionamento para carros e ônibus.
Existem na unidade trilhas interpretativas com placas indicativas, e o local se encontra cercado e com portão para o controle de entrada e saída dos visitantes. A visitação é realizada durante todo o ano, por escolas na prática de Educação Ambiental, por turistas e pesquisadores. Atualmente recebe duas mil pessoas por mês.
Maquete de Dinossauros na Entrada do Parque

Mais videos para você.

Outra seleção de videos para você use-os a vontade apenas coloque by moreijo ou #moreijo e diga sua opinião aguardamos sua colaboração......