Postagens

A Nuvem de Oort e cinturão de kuiper.

Imagem
http://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/d/da/Kuiper_oort_pt.jpg

Foi proposta pelo astrônomo Holandês

Cinturão de asteroide e Cinturão de Kuiper

Imagem
A cintura de asteroides, Cinturão de asteroides ou ainda Cintura interna de asteroidesé uma zona do espaço entre Marte e Júpiter onde se localiza um grande número de asteroides e o planeta anãoCeres, que é o maior corpo celeste do cinturão.
Esta faixa tornou-se conhecida também como Cintura Principal, contrastando com outras concentrações de corpos menores como, por exemplo, os asteroides troianos que coorbitam com Júpiter.Crê-se que, durante o primeiro milhão de anos da história do sistema solar, os planetas formaram-se por agregação de protoplanetas. As colisões sucessivas levaram aos típicos planetas rochosos e aos de núcleo gasoso.No entanto, nesta zona do sistema, a forte gravidade de Júpiter impossibilitou as últimas fases, e os protoplanetas não conseguiram agrupar-se num único planeta. Assim, continuaram a orbitar o Sol como antes. Neste sentido, a cintura de asteroides pode ser considerada uma relíquia do sistema solar primitivo, embora muitas observações apontem para uma evol…

Chuva de Meteoros e Estrela Cadente.

Imagem
Chuva de meteorosé um evento em que um grupo de meteoros são observados irradiando de um único ponto no céu (radiante). Esses meteoros são causados pela entrada na atmosfera de detritos a velocidades muito altas. Numa chuva de meteoros, esses detritos geralmente são resultado de interações de um cometacom a Terra, em que material do cometa é desprendido de sua órbita, ou quando a Terra cruza essa órbita.A órbita da Terra cruza com a órbita de alguns cometas periodicamente, produzindo chuvas de meteoros anuais, como a de Leónidas ou Perseidas. A maior chuva de meteoros ocorrida na história se deu no dia 13 de novembro de 1833. Esta chuva de meteoros pôde ser vista do Canadá até o México.



Estrela cadente é o nome dado a um fenômeno astronômico que acontece frequentemente. Apesar do nome, não são estrelas, são meteoróides que entram na atmosfera terrestre e sofrem intenso atrito. O

Meteoro,Meteoroides e meteorito

Imagem
Meteorodesigna o fenômeno luminoso observado quando da passagem de um meteoróidepelaatmosferaterrestre. Este fenômeno que pode apresentar várias cores, que são dependentes da velocidade e da composição do meteoróide, um rastro, que pode ser designado por persistente, se tiver duração apreciável no tempo, e pode apresentar também registro de sons. Um meteoro é também por vezes designado de estrela. A aparição dos meteoros pode-se dar sob duas formas: uma delas são as designadas "chuvas de meteoros" ou "chuva de estrelas cadentes" ou simplesmente "chuva de estrelas", em que os meteoros parecem provir do mesmo ponto do céu noturno, denominado deradiante. Outra forma é a de "meteoros esporádicos" Existem dois tipos de meteoros que se destacam pela sua espetacularidade: asBolas de Fogoe osBólides.
Meteoroides são fragmentos de material que vagueiam pelo espaço e que, segundo a International Meteor Organization(Organização Internacional de Meteoros), p…